sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Lydia Lunch - Faz de conta que vou...

Lydia Lunch na Galeria Zé dos Bois às 23h
Cantora, artista de "spoken-word", actriz e compositora, Lydia Lunch é uma das mais fascinantes e influentes figuras da arte urbana nova-iorquina das últimas três décadas. Vai estar em Lisboa a 15 de Fevereiro e em Guimarães no dia seguinte, para um espectáculo baseado no mais recente álbum, "Ghost of Spain".
Lunch fez parte da seminal banda "no-wave" Teenage Music & The Jerks. Com o fim da curta vida do grupo, prosseguiu a solo ou em colaborações com nomes sonantes da "indie" dos anos 80, como Sonic Youth, Einstürzende Neubatten, Nick Cave ou Foetus.
O currículo de Lydia Lunch regista também a passagem pelo cinema e pela poesia. Não admira portanto que tenha surgido naturalmente uma tendência para a "spoken-word", tão dada à declamação e à carga dramática. Foi este rumo que seguiu a partir de "Uncensored Lydia Lunch" (de 1984) e é assim que a veremos nesta performance multimédia que utiliza música improvisada e imagens para dramatizar o poder da palavra falada. "Sexo, violência, obsessão e vício" são os temas em foco, ou não fosse Lunch também uma provocadora.
S.Pe. (PUBLICO.PT)

Sem comentários: