sábado, 24 de maio de 2008

Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

Por incrível que pareça, fui ver este filme no dia de estreia! Só possível pela ausência das miúdas a passarem uns dias nos avós. Não me desiludiu como entretenimento, tem muitos piscares de olho aos filmes anteriores da saga e a outras películas (por exemplo, quando Mutt surge pela primeira vez, faz lembrar Marlon Brando...). A idade não afectou os protagonistas e até se brinca com isso. Ainda assim, fica aquém dos anteriores, falta-lhe o "toque mágico", e pareceu-me que a ideia dos extra-terrestres foi um pouco rebuscada. Rosewell, mais uma vez, seres super-inteligentes parece-me a saída fácil para muitos enigmas do passado...

Fomos ver ao Fonte Nova, ao qual gosto de permanecer fiel pois não é permitido comer na sal, logo, não há pipocas. Mesmo assim, há quem traga farnel de casa, é muito complicado estar 2 horas inteirinhas sem meter nada na boca! Duas horas a ouvir o resmalhar de plásticos e papéis, substituindo o barulho das picocas e respectiva mastigação... E as pessoas agem como se estivessem em casa... Além disso, o som era péssimo, o que me deixou verdadeiramente desiludida. Por isso, quando abrir o Cinema City do Alegro (constou-me que está previsto para Junho), acho que vou pôr fidelidades de lado e aderir ao cinema pipoqueiro (que já sou "obrigada" a frequentar com as miúdas). Já conheço a cadeia e os espaços são muito simpáticos e dinâmicos.

4 comentários:

Carla disse...

Foi um belo momento de entretenimento.
Ri-me com satisfação:=)

Poison Ivy disse...

Aquilo é que é energia, aos 66!

JO disse...

E o homem não utilizou duplos. Go Harrison Ford, go!

Poison Ivy disse...

Foi o que ouvi, mas à medida que ia vendo o filem, dizia cá para mim: Nãããã....